Uma das maiores atribuições do marketing é desenvolver estratégias garantindo que a força de vendas faça seu trabalho com excelência, muito além da conversão do negócio em si, focando na experiência do cliente e fortalecendo sua relação com a empresa a longo prazo. Hoje, em qualquer negócio e setor, não se pode mais depender apenas da área comercial para garantir uma boa experiência, sendo que os momentos da verdade começam muito antes do primeiro encontro entre vendedores e clientes.

O chamado ZMOT (Zero Momento of Truth, Momento Zero da Verdade) deixa claro que o primeiro momento da verdade começa no meio social. Com o número de smartphones evoluindo para ultrapassar até mesmo o número da população, é claro que o meio social converge também para o meio digital. Não há como escapar de criar uma estratégia de marketing digital.

Quando falamos dos esforços de vendas serem otimizados quando implementamos uma estratégia digital, isso não quer dizer que são substituíveis, mas sim que podem ser melhor aproveitados focando nas potencialidades de cada ferramenta. Toda estratégia deve iniciar com uma análise do comportamento e perfil do público-alvo. Somente com essa compreensão afinada, a estruturação de ferramentas utilizadas será coerente com o público e efetiva para o negócio. Com esta análise, podemos avaliar as ferramentas apresentadas pelo site de buscas mais famoso do mundo.

O Google oferece o que chamamos de links patrocinados (ou Adwords), onde você pode montar campanhas de anúncios selecionando as palavras-chave mais adequadas para estar presente assim que seu cliente digitar uma busca relacionada com seu serviço ou produto. Toda vez que ocorre uma busca no Google um “leilão” é realizado – esse leilão é a maneira onde o algoritmo do Google calcula o ranqueamento de resultados na página inicial de resultados.

Esse cálculo leva em consideração vários fatores, como o valor de seu lance e a busca orgânica, isto é, a busca ignorando investimentos na publicidade garantindo que os sites com maior acesso e recorrência estejam melhor posicionados, assegurando também a credibilidade da busca. Depois de escolher suas palavras-chave e montar seu anúncio, você pode optar por dois sistemas de custo: CPV ou CPC – Custo Por Visualização ou Custo Por Clique – respectivamente. No leilão, você estipula o custo que está disposto a pagar e seu valor e, após o cálculo, ranqueia seu anúncio para publicação nos resultados das buscas.

Além dos links patrocinados, o Google também possui anúncios em displays de outros sites chamados de GDN – Google Display Network -, funcionando como outdoors em outras páginas e não nos resultados de uma pesquisa. Há também anúncios apenas para mobile e ferramentas de croos-media.

Todos os diferentes tipos de anúncio possuem a grande vantagem de usarem a ferramenta de segmentação: você pode restringir os leilões para participar apenas para uma região ou apenas um tipo de device, como tablets e smartphones. Assim como o Google, as redes sociais também possuem essa ferramenta de segmentação para delimitação do público-alvo. O Facebook possui seu sistema de Facebook Ads, muito similar ao Google Adwords, o grande diferencial é a plataforma de uma rede social que possibilita o engajamento com a marca e não apenas o contato formal como no caso de um site padrão.

As ferramentas não param por aí, há diversos caminhos para conseguir estar no lugar certo, na hora certa, à disposição para garantir a melhor experiência ao cliente. É claro que esse envolvimento estratégico busca, em primeiro lugar, conquistar a atenção do cliente, engajar e construir um relacionamento que venha se converter em vendas – mas que jamais pare por aí.

Uma estratégia digital busca contemplar diversos gaps comuns, como dificuldade do vendedor em reter o cliente, confiança entre os envolvidos, engajamento e interesse do consumidor depois que a compra é finalizada – garantindo fidelização à marca. A continuidade do relacionamento é um dos grandes diferenciais.

É certo que estamos em um novo mundo, mas nada ainda tão complexo quanto relacionamentos. O papel do vendedor continua indispensável, mas as estratégias e ferramentas de marketing digital tornam seu trabalho muito mais efetivo.

Você tem utilizado estratégias digitais para melhorar as vendas no seu negócio? Queremos ouvir a sua experiência, comente abaixo!

Fale com um consultor de marketng digital
Fale com um consultor de marketng digital